Homem realiza sonho de infância ao passar no concurso da PRF, mas morre de Covid sem saber o resultado

Juliano Ribeiro Peruchi morreu aos 38 anos de idade sem saber que realizou um de seus sonhos de infância: passar no concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Natural do Espírito Santo (ES), o homem não resistiu às complicações da Covid-19 e se tornou mais uma das vítimas da doença na última sexta-feira (11).

“Tinha um sonho de criança em ser Policial Rodoviário Federal e nesse último concurso ele foi aprovado, mas não teve tempo de saber que seu sonho tinha sido realizado”, escreveu o irmão do homem, João Carlos Peruchi, em uma rede social.

Ao prestar homenagem ao irmão, João Carlos destacou que Juliano sempre foi uma pessoa batalhadora, dedicada e que viveu a vida intensamente. “Se dedicou tanto que conseguiu ser aprovado naquilo que sempre sonhou”, afirmou.

O concurso foi prestado em maio deste ano e o nome dele consta na lista de aprovados para a próxima etapa do processo seletivo, que foi divulgada nesta segunda-feira (14) pela Cebraspe.

Em entrevista ao Estado de Minas, João Carlos disse que o irmão atualmente morava em Sorocaba (SP) e que ele chegou a se encontrar com familiares em Vitória, no Espírito Santo. No entanto, pouco tempo depois descobriu que havia sido infectado pela Covid.

“Ele passou mal e precisou ser internado. Após três dias, ele foi intubado e assim ficou por 15 dias. Acabou falecendo. E nesse meio tempo saiu o resultado do concurso e ficamos sabendo que ele foi aprovado. Mas não deu tempo dele saber, pois já estava inconsciente”, disse ao Estado de Minas.

Este seria o terceiro concurso tentado por Peruchi. “Ele tentou vários certames da PRF e quando saiu o edital para esse último, ele se dedicou por quase um ano”, afirmou João Carlos.

“Obrigada por ser meu irmão e amigo e por ter cuidado de mim com tanto zelo. Obrigada por existir. Te amarei eternamente”, escreveu a irmã de Juliano no Facebook.

Ribeiro foi sepultado no domingo (13), em Serra (ES). No cemitério, agentes da PRF prestaram uma homenagem ao homem (assista abaixo). Ele deixa também deixa a esposa e um filho de 9 anos.

Banda B


Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply