Conselheiras tutelares são desacatadas e ameaçadas em Jesuítas

O fato aconteceu por volta das 10h desta terça-feira (6), onde compareceu no destacamento policial, as conselheiras tutelares, as quais passaram a relatar que na data de 03/04/2021, por volta das 08h40, foram atender a uma solicitação, onde segundo a Senhora, seu filho estaria revoltado.

Que ao chegarem no local o pai do menor, tinha ido buscar o filho para morar consigo, porém este não queria ir com o pai. Quando o menor de idade avistou as conselheiras já passou a lhes ofender e ameaçar, com palavras de baixo calão, bem como disse que iria até a casa das depoentes para lhes cortar o pescoço.

Esclarecem as depoentes que esta é a segunda vez que são ofendidas e ameaçadas pelo menor de idade, o qual é agressivo em casa.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply