Médicos do Huop temem “níveis caóticos” de casos do Covid-19 e colapso na saúde

Médicos do Hospital Universitário do Oeste do Paraná (Huop) divulgaram neste domingo (31) um manifesto à população de Cascavel e região, que expressa preocupação com os rumos que a epidemia tem tomado nos últimos dias e semanas.

A equipe afirma que “toda a estrutura funcional e administrativa tem se empenhado arduamente na preparação e, finalmente, no atendimento” aos pacientes diagnosticados com Covid-19. “Somos testemunhas do heroico esforço que nossa equipe tem feito para poder promover uma assistência de qualidade e com a segurança que a situação exige”, declara.

Mas, de acordo com a nota, “batalha tem ficado ainda mais difícil” com a elevação dos casos de coronavírus em Cascavel e região.  

“Temos um grande temor de chegarmos  a níveis caóticos como os que devastam atualmente o sistema de saúde das grandes cidades brasileiras atingidas pela pandemia. Portanto, julgamos e acreditamos ser um imperativo ético, baseado nos princípios bioéticos da beneficência e da justiça social, o alerta em forma de manifesto para a população e para as instituições de realizarem, estimularem e, se necessário, fiscalizarem o cumprimento do isolamento social”, apela a equipe médica.

Confira a nota na íntegra

Manifesto Médico 

À população de Cascavel e região Oeste do Paraná Código de Ética Médica: 

“Capítulo I PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS 

I – A Medicina é uma profissão a serviço da saúde do ser humano e da coletividade e será exercida sem discriminação de nenhuma natureza. 

II – O alvo de toda a atenção do médico é a saúde do ser humano, em benefício da qual deverá agir com o máximo de zelo e o melhor de sua capacidade profissional. … XIII – O médico comunicará às autoridades competentes quaisquer formas de deterioração do ecossistema, prejudiciais à saúde e à vida. XIV – O médico empenhar-se-á em melhorar os padrões dos serviços médicos e em assumir sua responsabilidade em relação à saúde pública, à educação sanitária e à legislação referente à saúde.” 

Nós, médicos que coordenam a equipe que atua no atendimento aos pacientes com COVID-19 no Hospital Universitário do Oeste do Paraná, vimos manifestar publicamente, à população de Cascavel e região, nossa preocupação com os rumos que a epidemia tem ocorrido nos últimos dias e semanas em nossa região. Nossa equipe multiprofissional (composta de médicos, enfermagem, fisioterapeutas e vários outros profissionais de saúde) e toda a estrutura funcional e administrativa do HUOP tem se empenhado arduamente na preparação e, finalmente, no atendimento a esses pacientes. Somos testemunhas do heroico esforço que nossa equipe tem feito para poder promover uma assistência de qualidade e com a segurança que a situação exige. No entanto, nos últimos dias claramente nossa batalha tem ficado ainda mais difícil, já que o número de casos vem aumentando de maneira impressionante. Temos um grande temor de chegarmos  a níveis caóticos como os que devastam atualmente o sistema de saúde das grandes cidades brasileiras atingidas pela pandemia. Portanto, julgamos e acreditamos ser um imperativo ético, baseado nos princípios bioéticos da beneficência e da justiça social, o alerta em forma de manifesto para a população e para as instituições de realizarem, estimularem e, se necessário, fiscalizarem o cumprimento do isolamento social. 

Atenciosamente, Cascavel, 31 de Maio de 2020

Policial Web com Tarobá News/HU

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply