Briga entre ex mobiliza a PM duas vezes em Maripá

Maripá – As duas ocorrências foram registradas neste domingo (12) em Maripá, sendo a primeira, uma mulher procurou o destacamento, relatando que estava em sua residência tomando banho, no momento que seu ex esposo, chegou na casa, onde a solicitante reside para buscar roupas para os filhos, a recebeu o mesmo enrolada em uma toalha, a solicitante advertiu o mesmo, que este não estava autorizando adentrar o quintal, no momento em que a solicitante pegou o celular para entrar em contato com a Polícia Militar, o homem em uma crise de ciúmes, tomou o celular da mão da solicitante e o quebrou, relata ainda que o mesmo desferiu um soco no seu braço direito não deixando marca aparente.

Após o episódio o agressor deixou as duas crianças na casa da solicitante, e tomou rumo ignorado.

O segundo caso foi registrado por volta das 22h10, através do enfermeiro do pronto atendimento, pois este informou que havia dado entrada naquele pronto atendimento uma mulher agredida pelo ex-marido.

Ao chegar no local constatamos que era a pessoa a qual momentos antes esteve no Dpm fazendo um boletim contra seu ex-marido por agressão, fato descrito no boletim anterior apresenta lesão no braço, tipo corte, segundo ela causado por um vidro da porta, que o fato ocorreu em sua residência, e que estava tentado fugir de agressões de seu ex-marido.

Durante o atendimento no pronto atendimento, a PM recebeu ligação via celular da PM, onde agora o solicitante, disse esperar a equipe em frente ao destacamento, pois sua ex-mulher estava alterada, havia quebrado toda sua casa.

Já no destacamento, informou que após registrar um boletim, deslocou até a residência. Que começou a quebrar as coisas, inclusive o trinco da porta para forçar a entrada, quebrou espelho do banheiro e também destruiu documentos do mesmo.

Informou também que possui 03 filhos com ela e que tem a guarda de dois deles, porém nesta data ela se recusava a entregar as roupas das crianças que estavam em sua casa.

Ele apresenta lesão em um dos braços, segundo ele causado por pedaços de concreto arremessados por ela.

Diante dos fatos, o mesmo foi conduzido para a delegacia de Palotina para os procedimentos cabíveis.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply