Fake news: Vigilância Sanitária não está pedindo colaboração em dinheiro

Paraná – A Vigilância Sanitária alerta aos comerciantes de Cascavel que não está solicitando doações em dinheiro. 

Na manhã deste sábado (11), um motoboy foi preso e encaminhado à 15ª SDP (Subdivisão Policial) ao passar em um supermercado da cidade para receber R$ 100 que teriam sido solicitado, por meio de telefone, por alguém que disse ser da Vigilância Sanitária.

A Secretaria de Saúde alerta que se trata de golpe e que antes de fazer qualquer doação é preciso ligar ao órgão para confirmar a veracidade e acionar a polícia.

Golpistas estariam aproveitando o momento de pandemia e solicitando doações em nome de vários órgãos. 

O rapaz que foi ao estabelecimento comercial apresentou um recibo em nome de uma entidade que, supostamente, representaria os servidores da Secretaria Estadual de Saúde.

De acordo com a Polícia Civil, o motoboy preso hoje deverá responder por estelionato. A polícia investiga o caso.

Fonte: Tarobá News

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply