Suspeito de tirar a vida de “Dalva” em 2016 em Assis é preso em Sengés

Foto: Arquivo/Acervo Léo Silva

Paraná – Após intensa investigação realizada pela Policia Civil de Assis Chateaubriand um homem suspeito por um crime de homicídio que teve como vítima a funcionária pública Lindalva Petti de França Mendonça, 47 anos, ocorrido em abril de 2016 foi preso. A ação policial aconteceu nesta quinta-feira (02), na cidade de Sengés, estado do Paraná.

O Crime

Lindalva foi morta no dia 28 de Abril de 2016, por volta das 12h45, no deposito de merendas escolares da prefeitura, em Assis Chateaubriand. Conforme apurado, a vítima foi atingida por um disparo de arma de fogo na nuca e morreu no local.

Dalva, como era conhecida, trabalhou por muitos anos à frente do combate à Dengue (endemias) de Assis Chateaubriand e depois foi para o Projeto Abrigo trabalhar com crianças. Por último trabalhava no depósito de alimentos do município e, segundo colegas, estava se preparando para ir embora de Assis Chateaubriand para o Estado de Santa Catarina.

O suspeito do crime já tinha em seu desfavor mandados de prisão por homicídio, roubo e estupro.

O delegado Dr. André Mendes, responsável pelo caso, destaca que mesmo sendo um crime antigo, houve êxito na identificação e prisão do suspeito que agora ficará à disposição da justiça.

O fato foi muito repercutido na época.

Foto: Arquivo/Acervo Léo Silva
Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply