Desobediência e desacato durante ocorrência policial em Toledo

Toledo – Uma equipe policial realizava patrulhamento pelo Bairro Jardim Europa, quando foi abordado por uma mulher, e passou a relatar que, por volta das 22h00 recebeu uma ligação telefônica de uma amiga, de que haveria uma mulher no interior de sua residência atirando todos seus pertences para parte externa e ao ir verificar de quem seria, saiu do interior da residência uma senhora, esta genitora da solicitante.

Diante dos fatos, acabaram discutindo, havendo um embate corporal entre as mesmas, que em dado momento, a senhora se apossou de uma arma branca, momento que a vítima saiu correndo e pediu ajuda para os policiais, na chegada da equipe policial ao local indicado, a autora saiu do interior da residência de posse de uma arma branca, recebendo voz de abordagem em sequência, tendo esta arremessado uma “faca” ao chão, que, foi iniciado uma conversa informal, porém, devido a mesma apresentar visíveis sinais de embriagues (fala desconexa, forte odor etílico) tal qual, apresentar-se extremamente agressiva, dizendo que mataria sua filha e queria “picar todinha”.

Devido o interesse de representação da parte ofendida, esta equipe tentou realizar o encaminhamento da senhora passivamente, porém, com a recusa da mesma, resistindo em acompanhar a equipe policial, ficando agitada, saiu em fuga desta equipe, onde após ser alcançada, e ao tentar realizar a contenção da mesma, esta começou a se debater, sendo necessário o emprego de técnicas de imobilização para realizar a contenção de tal, bem como foi empregado o uso de algemas conforme prevê súmula vinculante 11 do STF.

Após o ato, esta senhora ainda proferiu palavras de baixo calão aos policiais militares, chamando-os de vagabundos, policiais de merdas, bem como a todo instante mencionava ter filhos policiais e um bom advogado, quais acabariam com a carreira de tais.

Diante dos fatos, as partes foram conduzidas até o cartório do 19º BPM para confecção do Boletim de Ocorrência e encaminhados até a Delegacia de Polícia Civil de Toledo, onde foram apresentadas para autoridade policial competente para serem adotadas as demais providências cabíveis.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply