Durante orações, homem atira em direção a religiosos em Tupãssi, segundo pastor

Tupãssi – A situação aconteceu por volta das 09h30 desta sexta-feira (13), sendo que um pastor da Igreja Cruzada de Evangelização Independente no Brasil, do Distrito de Brasiliana, passou a relatar que estão realizando uma corrente de oração no total de 21 dias e que estão se dirigindo a uma propriedade rural que se encontra retirada da cidade, na estrada de saída para São Luis, no lado direito, próximo ao Rio Memória, para realizar as orações, todos os dias durante dos horários das 22h00 até as 23h00, no máximo e que possuem autorização do proprietário, para realizarem as manifestações religiosas, sendo que estas encerram-se no domingo, dia 15 de dezembro.

Relata ainda que permanecem apenas nesta propriedade e que o dono da propriedade vizinha, realizou alguns disparos na semana passada para o alto, com intuito de colocar medo nos manifestantes.

Na data de quinta-feira (12), ainda teria efetuado disparos na direção dos manifestantes, mas não os atingiu.

Na manhã desta sexta, se dirigiram até a propriedade do senhor para conversar com o mesmo e tentar entrar em acordo para que não realizasse mais disparos, pois possuem entre os religiosos, pessoas de idade e pessoas debilitadas que não conseguiriam correr de disparos, bem por não estarem atrapalhando mesmo.

Porém, ele disse “não quero que orem naquele local, pois estão roubando meus peixes”, e ainda “vocês não estão em busca de Deus, vocês estão em busca de dinheiro”, “hoje pode se preparar que vai ser diferente, vou arrumar mais umas dez pessoas e vou atirar em todo mundo que tiver no mato, se tiver que tirar do mato vocês que se virem para tirar”.

Diante dos fatos, os solicitantes foram devidamente orientados e ainda a equipe disse que vai se dirigir até a propriedade para conversar com o senhor e prestar orientação. Os solicitantes optaram por não representarem no momento, decidindo posteriormente.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply