PM é mobilizada para atender tentativa de suicídio na BR 467 em Toledo

Era por volta das 19h00 desta sexta-feira (14), quando uma equipe da PM foi acionada para deslocar até a saída para Cascavel, onde informações davam conta de que um indivíduo estaria em uma passarela sobre a BR 467, para uma possível tentativa de suicídio, sendo que o assistido teria ligado para informar tal fato. No local a equipe visualizou o indivíduo que estava na parte superior da passarela, sendo que o mesmo ainda permanecia em contato com a central pelo seu aparelho celular, momento em que a equipe subiu até o encontro dele, sendo realizado a contenção do mesmo priorizando a sua segurança e integridade física. Outras duas equipes estiveram no local em apoio, onde o solicitante relatou que está depressivo, possui problemas pessoais e que sua intenção era conversar com alguém para desabafar. Em ato contínuo as equipes envolvidas conversaram com o assistido e orientaram o mesmo a procurar ajuda e tratamento psicológico, sendo assim a equipe do SIATE foi acionada para deslocar até o local, onde se fizeram presentes. A equipe do Corpo de Bombeiros fez contato com a central reguladora a qual informou que a ocorrência seria repassada para equipe SAMU, a qual esteve no local, sendo que os mesmos ficaram responsáveis pelo assistido para verificar se deslocariam com o mesmo para sua residência ou para unidade de pronto atendimento Toledo.

Outro caso

O outro fato aconteceu por volta das 22h10 do dia 24 de abril deste ano, onde a equipe setor norte foi acionada pela central pois segundo informações na passarela da rodovia BR 467 na saída para Cascavel teria um indivíduo em cima da mesma tentando se suicidar. No local a equipe confirmou o fato e solicitou a central de operações que fosse acionado o Corpo de Bombeiros. Diante da situação o sd De Sousa se aproximou do mesmo e foi conversando com ele sobre o porque de tal fato extremo, sendo que em todo tempo o mesmo falava que ia se jogar. Foi logrado êxito em acalmar o mesmo e após uns 20 minutos de conversa foi convencido a descer do parapeito da passarela. Após o fato o mesmo disse que queria ir para sua residência, porém a equipe temendo pela vida do indivíduo convidou a vir junto na vtr mas ele se negou. O indivíduo é morador do bairro Jd Concórdia, que o sd Sergio foi com o mesmo caminhando e o sd De Sousa fez contato com a central para avisar e equipe do Corpo de Bombeiros pois havia o perigo desde empreender fuga pelas vias do bairro. Após ter caminhado por cerca de 400 metros a equipe do Corpo de Bombeiros chegou ao local, então o indivíduo foi encaminhado para tratamento.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Leave a Reply